• Brasil
  • Ingles
  • França

História da Ilha de Paquetá

Publicado em: 31-01-2021

Paquetá, na Baía de Guanabara, tem seu charme e muitas memórias. Os primeiros relatos são do século XVI e a história segue até hoje em dia com futuro pela frente.

Antes de mais nada, vale lembrar que Paquetá é um bairro da cidade do Rio de Janeiro. Diferentemente do que muita gente acha, não é um município.

Em 1555, André Thevet, cosmógrafo da expedição de Villegaignon, chegou à Ilha em sua missão para fundar a França Antártica. O registro é anterior à fundação da cidade do Rio de Janeiro.

“No dia 18 de dezembro de 1556, o Rei da França, Henri II, reconheceu as descobertas de André Thevet, que aconteceram um ano antes, e a data se tornou o aniversário de Paquetá“, disse a pesquisadora Clara Da Costa.

SERGIO CASTRO - A EMPRESA QUE RESOLVE, desde 1949

Com mais de meio século de tradição no mercado imobiliário do Rio de Janeiro, a Sergio Castro Imóveis – a empresa que resolve contribui para a valorização da cultura carioca

Após fundar a cidade do Rio de Janeiro, em 1565, Estácio de Sá doou a Ilha de Paquetá a dois de seus companheiros de viagem. A parte norte, a Inácio de Bulhões (hoje chamada bairro do Campo pelos comunitários), e a parte sul (bairro da Ponte) a Fernão Valdez.

Nas terras da Fazenda São Roque foi erguida em 1697 a primeira capela da Ilha, a de São Roque, o padroeiro da Paquetá. Até então a comunidade tinha que atravessar a Baía de Guanabara até Magé para participar de seus cultos religiosos.

Por muito tempo, Paquetá foi ligada à Magé, administrativa e religiosamente. Contudo, já com a Família Real no Brasil e o Príncipe Regente frequentando Paquetá, um alvará especial de D. João cria a Freguesia do Senhor Bom Jesus do Monte.

Em 1833, por decreto Imperial, a Ilha de Paquetá fica totalmente independente de Magé e passa a pertencer ao município da Corte.Assine Grátis o Diário do Rio

Toda manhã o resumo do Rio de Janeiro

Os distritos de Paquetá e Governador, em 1903, são unidos no Distrito das Ilhas, incorporando ilhas e ilhotas ao redor.

O funcionamento regular da linha das barcas, a partir de 1838, facilitou a chegada na Ilha. Expressões artísticas, como o romance A Moreninha, de Joaquim Manuel de Macedo, que pode ter tido a Ilha como cenário ou inspiração para a história, somaram para a Paquetá ficar mais conhecida.

Falando em expressões artísticas mais recentes, a banda carioca Los Hermanos tem uma canção que leva o nome da Ilha.

O clima bucólico da Ilha de Paquetá é extremamente atrativo para passeios relaxantes. A Ilha tem uma paz fora do comum, mesmo estando tão próxima de agitados centros urbanos. Fatos que atraem muitos turistas.

Uma curiosidade que também atrai turistas à Ilha é o Cemitério de Pássaros. O local, onde as pessoas enterrem seus animais de estimação, é muito visitado por pessoas de fora.

As bicicletas são outro atrativo da Ilha de Paquetá. É possível passear por toda a Ilha com elas. Conhecer cada detalhe pedalando.

Por muitos motivos, vale conhecer Paquetá.

SERGIO CASTRO - A EMPRESA QUE RESOLVE, desde 1949
Com mais de meio século de tradição no mercado imobiliário do Rio de Janeiro, a Sergio Castro Imóveis – a empresa que resolve contribui para a valorização da cultura carioca

Ops! Não achamos o conteúdo que você tentou acessar.

O conteúdo que você tentou acessar não existe ou ocorreu algum erro no nosso site. Mande um e-mail para nossa equipe relatando o problema. Obrigado!

Ops! Acesso não autorizado!

Opa! você tentou acessar um conteúdo que não está disponível publicamente. Gostaria de mandar um e-mail informando a nossa equipe? Iremos investigar e resolver o problema. Obrigado!

Ops! Nenhum imóvel encontrado.

Ainda não encontramos nenhum imóvel com as caracteristicas selecionadas.
Continue buscando, temos certeza que você vai encontrar o imóvel dos seus sonhos.

Você também pode enviar um e-mail para nossa equipe que vamos te ajudar a encontrar seu imóvel.

Ops! Ocorreu um erro inesperado!

O servidor retornou uma informaçao inválida. Por favor, tente novamente.
Caso o erro persista, você também pode enviar um e-mail para nossa equipe.

Obrigado e desculpe pelo transtorno!

loading...
carregando