• Brasil
  • Ingles
  • França

Paço Imperial recebe exposição sobre o modernismo característico do Rio de Janeiro

Publicado em: 15-11-2021

A partir da próxima quinta-feira (17/11), o histórico Paço Imperial, localizado na Praça XV, região central do Rio de Janeiro, receberá a exposição ”A Afirmação Modernista – A Paisagem e o Popular Carioca na Coleção Banerj”, que reúne mais de 127 obras, de diversos artistas, produzidas entre os séculos XIX e XX.

A mostra, comandada pela Fundação de Artes do RJ (Funarj), vinculada à Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa (Secec), fica disponível ao público até 20 de março de 2022. A curadoria é de Marcus de Lontra Costa e Viviane Matesco.

A Coleção Banerj começou a ser formada no início dos anos 60, vinculada ao contexto de afirmação da cidade-estado da Guanabara. Desde 1998, a Funarj, por sua vez, visa preservar, estudar e divulgar a oleção, que reúne trabalhos de artistas de grande relevância, hoje um acervo público do estado.

Diferentemente da aristocracia e do nacionalismo ligado à conjuntura paulista, o modernismo carioca acentua o caráter popular e a beleza natural da cidade, expressa nos grandes painéis e em outras inúmeras obras que retratam o Rio.

As diferentes maneiras de conceber a paisagem revelam-se como marca da coleção: a luminosidade dos trabalhos de Eliseu Visconti contrasta com as tensas pinceladas de Anita Malfatti; a cidade anônima e silenciosa de Oswald Goeldi se opõe à exuberância das cenas urbanas de Di Cavalcanti; e a paisagem imaginária de Cícero Dias distancia-se da racionalidade de Aldo Bonadei.

A exposição também retrata a cultura carioca, que pode ser vista nos trabalhos de Djanira, Caribé, Marcier, Cícero Dias, entre outros artistas. As festas de rua, o samba, o candomblé, bem como o Corcovado e o Pão de Açúcar, tornam-se ícones do imaginário da cidade e do povo brasileiro.

Do Rio boêmio e folclórico, de Di Cavalcanti, ao Rio oblíquo, de Goeldi, a cidade domina a coleção. Fazer um ”acervo falar” significa torná-lo disponível e accessível para as diversas camadas da população.

”Com esta exposição, comemoramos a oficialização de sua condição de coleção pública e, ao mesmo tempo, contribuímos para a retomada cultural do Rio de Janeiro e antecipamos as celebrações do centenário da Semana de Arte Moderna. Acima de todos os motivos, queremos viabilizar o acesso e a fruição das obras de arte aos cidadãos brasileiros, especialmente aos fluminenses. E assim, podemos afirmar mais uma vez: a Coleção Banerj é nossa”, diz José Roberto Gifford, presidente da Funarj.

SERVIÇO

A Afirmação Modernista – A Paisagem e o Popular Carioca na Coleção Banerj

  • Período: 17 de novembro de 2021 a 20 de março de 2022
  • Dias e Horários: Terça a domingo (e feriados), das 12h às 18h
  • Local: Paço Imperial
  • Endereço: Praça XV de Novembro, 48 – Centro – Rio de Janeiro/RJ

Ops! Não achamos o conteúdo que você tentou acessar.

O conteúdo que você tentou acessar não existe ou ocorreu algum erro no nosso site. Mande um e-mail para nossa equipe relatando o problema. Obrigado!

Ops! Acesso não autorizado!

Opa! você tentou acessar um conteúdo que não está disponível publicamente. Gostaria de mandar um e-mail informando a nossa equipe? Iremos investigar e resolver o problema. Obrigado!

Ops! Nenhum imóvel encontrado.

Ainda não encontramos nenhum imóvel com as caracteristicas selecionadas.
Continue buscando, temos certeza que você vai encontrar o imóvel dos seus sonhos.

Você também pode enviar um e-mail para nossa equipe que vamos te ajudar a encontrar seu imóvel.

Ops! Ocorreu um erro inesperado!

O servidor retornou uma informaçao inválida. Por favor, tente novamente.
Caso o erro persista, você também pode enviar um e-mail para nossa equipe.

Obrigado e desculpe pelo transtorno!

loading...
carregando